NOTÍCIAS



Gestores do Estado acompanham montagem do Hospital de Campanha em Santarém.

A expectativa é iniciar o funcionamento da unidade já na próxima semana, com 60 leitos clínicos, para atender casos leves e moderados de Covid.



Autor: Fonte: Por Ana Thaynara (SECOM) - Agência Pará
Data: 12/02/2021

Uma equipe do Estado e da Prefeitura de Santarém acompanhou, na tarde desta quinta-feira (11), o trabalho de montagem do Hospital de Campanha, que deve começar a funcionar na próxima semana. A instalação de mais essa unidade de saúde para atender casos de Covid-19 na região, com 60 leitos, resulta da parceria do governo do Estado com a Prefeitura de Santarém.

Os gestores do Estado e da Prefeitura inspecionam os equipamentos que chegaram para o Hospital de Campanha de Santarém. Foto: Pedro Guerreiro / Ag. Pará

A nova estrutura está sendo montada na Escola Estadual Maria Uchoa Martins, localizada no bairro Floresta, a 800 metros do Hospital Regional do Baixo Amazonas (HRBA). A abertura da nova unidade temporária é mais uma estratégia para desafogar a ocupação da Unidade de Pronto Atendimento (UPA), que já virou um hospital exclusivo para atendimento de casos de Covid no município, e registra um fluxo intenso de atendimento.

O secretário adjunto da Sespa, Sipriano Ferraz, constatou que a montagem da unidade de saúde está avançando. Foto: Pedro Guerreiro / Ag. Pará

“É muito importante ressaltarmos que, apesar de termos saído de 86 para 250 leitos de retaguarda para na região do Baixo Amazonas, nos três polos de Santarém, Juriti e Itaituba, a estrutura que está sendo montada em parceria com a Prefeitura de Santarém será de fundamental importância para o tratamento de pacientes com Covid neste momento tão difícil”, frisou o secretário adjunto da Sespa (Secretaria de Estado de Saúde Pública), Sipriano Ferraz.

Estrutura - A montagem já está bem adiantada. O espaço terá cinco enfermarias, com oito leitos cada; uma enfermaria com 16 leitos; sala de estabilização, com quatro leitos; posto de enfermagem; farmácia; almoxarifado; salas para médicos e enfermeiros; coordenação de enfermagem e uma sala para o Núcleo Interno de Regulação. Alguns equipamentos já estão chegando. A empresa responsável pelo tanque de oxigênio informou que a estrutura já está a caminho de Santarém.

O Hospital de Campanha funcionará na Escola Estadual Maria Uchoa Martins, no bairro Floresta. Foto: Pedro Guerreiro / Ag. Pará

“As obras estão bastante adiantadas. Os equipamentos para o funcionamento já foram adquiridos. O tanque de oxigênio está saindo hoje de São Paulo (SP) com destino a Santarém. E a previsão é que até a próxima semana o Hospital de Campanha de Santarém estará funcionando com mais 60 leitos, totalizando 310 leitos exclusivos para Covid dentro das nossas bases”, reiterou o secretário adjunto da Sespa.
Referência - A equipe de governo ainda esteve na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Santarém. A unidade hospitalar está atendendo somente casos de Covid-19, sendo a principal referência municipal nesse atendimento.

A equipe percorreu todo o espaço, incluindo as alas de internação para pacientes mais graves, enfermarias, consultórios e o espaço onde funciona o Núcleo Interno de Regulação (NIR).

Cadastre-se e receba a nossa NEWSLETTER.

Nome:
Email:
Telefone:
© Desenvolvido por: